Estudantes aprovam novos espaços de convivência da UFCA

  • Postado em 26 de setembro de 2019
IMG_20190919_172846

Por Bárbara de Alencar

A carência de espaços de convivência na Universidade Federal do Cariri (UFCA) não é novidade entre estudantes e servidores , mas as coisas estão mudando. As mesinhas e bancos com encosto são os novos queridinhos de todos da UFCA, e tudo foi pensado visando as necessidades básicas almejadas especialmente pela comunidade acadêmica.

Segundo pesquisa realizada pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis  (PRAE), os estudantes pediam espaços onde fosse possível estudar, bancos com encosto para sentar e com tomadas para ligar o notebook e carregar os telefones celulares. Além disso, a administração da universidade observou o comportamento e os movimentos nos espaços do campus. “Onde havia grande fluxo de pessoas, espaço disponível e necessidade de permanência, colocamos bancos”, explica Luíse Barbosa, arquiteta da Diretoria de Infraestrutura (DINFRA).

De acordo com os resultados da pesquisa, os locais escolhidos foram a área da frente da residência universitária, a lateral da passarela do bloco I e do bloco K, além do mirante, especialmente pela vista e pela área disponível para arborização e bancos. Os resultados do projeto tiveram a aceitação da comunidade acadêmica da UFCA.

Veja algumas reações diante das mudanças:

 Um elefante branco no meio do pátio?

Por conta dos cortes de verbas para a universidade, nem todos os bancos do projeto vão ser construídos, entretanto alguns já estão sendo finalizados. Foram muitas as especulações durante a execução das obras. Fonte, banco, caixa rápido foram algumas apostas, mas, na verdade, a perspectiva do projeto que tá sendo finalizados no pátio é de uma área de convivência composta de bancos largos, mesas e canteiros com plantas.

Veja a imagem do projeto que vai ocupar uma área significativa do pátio central da universidade:

Arquiteta autora do projeto: Sabrinny Rakel Silva de Lima

A ideia é que em onde houver espaços de convivência haja tomadas, porém sem previsão de quando serão instaladas, devido o alto custo.

NotaNoticiaNoCampus

css.php